Paralisação dos professores da rede particular de São Paulo!
Reprodução Facebook

Paralisação dos professores da rede particular de São Paulo!

Em uma grande mobilização, mais de 20 grandes escolas particulares da capital estão mobilizadas ou paralisadas.

MOVER 23 Maio 2018, 20:09

Nessa quarta-feira, 23/05, os professores e professoras da rede particular de São Paulo realizam uma grande paralisação em defesa da Convenção Coletiva da categoria, que está sendo atacada pelo sindicato patronal inspirado pelas novas mudanças na legislação trabalhista.

Em uma grande mobilização, mais de 20 grandes escolas particulares da capital estão mobilizadas ou paralisadas, e diversas mantenedoras já começaram a perseguição contra os trabalhadores de educação que lutar por seus direitos.

Nós do MOVER estamos nessa luta e apoiamos essa categoria da educação que hoje é atacada pelos patrões através da Reforma Trabalhista. Em defesa da Convenção Coletiva! Todo apoio aos professores e professoras!

Artigo originalmente publicado na página do Facebook da MOVER.


Parlamentares do Movimento Esquerda Socialista (PSOL)

Capa da última edição da Revista Movimento
Na 16ª edição, estão disponíveis dois dossiês. No primeiro, sobre o ecossocialismo, podem-se se encontrar as recentes teses de Michael Löwy, além de uma entrevista com o sociólogo e dirigente da IV Internacional. Também publicamos uma entrevista com Zé Rainha, dirigente da FNL, sobre sua trajetória de luta e os desafios dos socialistas no Brasil; uma entrevista com Antônia Cariongo, dirigente quilombola e do PSOL-MA; e artigos de Luiz Fernando Santos, sobre a lógica marxista e a Amazônia, e de Marcela Durante, do Setorial Ecossocialista do PSOL. O segundo dossiê traz algumas análises iniciais sobre a pandemia de coronavírus. Há artigos de Mike Davis e Daniel Tanuro; documentos do MES e do Bureau da IV Internacional; além de uma densa análise de nossas companheiras Evelin Minowa, Joyce Martins, Luana Alves, Natália Peccin Gonçalves, Natalia Pennachioni e Vanessa Couto e de um artigo do camarada Bruno Magalhães. A seção de depoimentos traz um instigante artigo de Pedro Fuentes sobre a história de seu irmão Luis Pujals, o primeiro desaparecido político da história da Argentina. Já a seção internacional traz uma análise do sociólogo William I. Robinson sobre a situação latino-americana.