Sobre a Revista Movimento

A Revista Movimento é uma publicação teórico-política orientada para o debate de ideias entre os socialistas, a elaboração programática e a ação política. Editada trimestralmente desde março de 2016, a revista recebe contribuições de intelectuais marxistas, militantes políticos e ativistas de movimentos sociais. Desde julho de 2017, o portal movimentorevista.com.br amplia a revista impressa com posições sobre a conjuntura e reflexões internacionais traduzidas diretamente de nossas revistas parceiras. Na versão web, encontram-se disponíveis todas as revistas já publicadas e por meio dela é possível adquirir as edições impressas.

Impulsionada pelo Movimento Esquerda Socialista, organização política fundadora do PSOL, a Revista Movimento veicula as posições de nossa organização e pretende organizar espaços para o debate mais amplo com nossos parceiros nas lutas sociais e na elaboração do pensamento crítico produzido dentro e fora da academia.

Fale conosco em redacao@movimentorevista.com.br.

Expediente

Diretor
Thiago Aguiar

Web
Tiago Madeira

Projeto gráfico
Adria Meira

Equipe editorial
Charles Rosa
Flávia Brancalion
Giovanna Marcelino
Gustavo Rego
Marcelo Martino
Pedro Micussi

Parlamentares do Movimento Esquerda Socialista (PSOL)

Capa da última edição da Revista Movimento
“Enquanto os efeitos sanitários e econômicos da Covid-19 seguem fazendo-se sentir, escancarando a crise global do capitalismo, as lutas na América Latina começam a apresentar importantes conquistas no enfrentamento da extrema-direita continental. Na Bolívia, após meses de enfrentamentos e mobilização popular, a contundente vitória da chapa do MAS pôs fim ao governo ilegítimo e reacionário de Jeanine Áñez. No Chile, após as multitudinárias manifestações de 2019, o plebiscito levou a uma vitória esmagadora em favor de uma nova constituição elaborada por assembleia exclusiva. Na campanha eleitoral estadunidense em curso, está em jogo a possibilidade de derrotar o trumpismo, que anima movimentos neofascistas e racistas naquele país e em todo o mundo. Ao mesmo tempo, as eleições municipais brasileiras abrem a possibilidade de construir uma alternativa nas cidades que contribua para isolar e derrotar o bolsonarismo. A décima oitava edição da Revista Movimento debruça-se sobre esses processos de mobilização nas ruas e de enfrentamento eleitoral em curso”.