Revista Movimento Movimento Movimento: crítica, teoria e ação

O destempero machista de Danilo Gentili contra Sâmia Bomfim

O apresentador desqualificou a vereadora que, não se intimidando, convidou-o a um debate para discutir ideias e política.

Tem tomado conta das redes um embate envolvendo o apresentador de TV, Danilo Gentili, e a vereadora de São Paulo pelo PSOL, Sâmia Bomfim.

Tudo começou no dia do primeiro debate entre presidenciáveis, na Band. No Twitter, Gentili exercitou, como é de costume, seu indisfarçável machismo ao fazer um comentário sobre a candidata Marina Silva.

A vereadora do PSOL, mesmo não sendo do partido de Marina, não admitiu tamanha demonstração de machismo e respondeu ao apresentador.

Foi neste momento que Gentili passou de todos os limites. Já conhecido por seu comportamento machista, reacionário e provocador, ele resolveu atacar a vereadora fazendo insinuações sobre o corpo dela. Em outras palavras, Danilo chamou Sâmia (acredite se quiser!) de “gorda”.

Tentar desqualificar uma mulher com comentários sobre seu corpo é expediente comum entre machistas. Acostumada a enfrentar e combater esse tipo de conservadorismo e preconceito, a vereadora Sâmia Bomfim, uma conhecida feminista, respondeu na lata.

Gentili então foi além. Reafirmou a desqualificação machista, ainda pior, compartilhando uma fake news que busca fragilizar politicamente a vereadora. Nenhuma novidade. Melhor amigo do MBL, de Bolsonaro e cia, Gentili é um grande propagador de notícias falsas, estas que circulam por sites comandados por robôs de grupos de extrema-direita que recentemente, inclusive, foram tirados do ar pelo Facebook por atuarem de forma criminosa.

Enorme contradição! Um apresentador que trabalha em canais de tevê de rede aberta (ou seja, concessões públicas) querendo caluniar a melhor vereadora de São Paulo, conhecida por sua postura ética e combativa contra o conservadorismo de direita. E ainda misturando ataques machistas pessoais a supostos ataques políticos. Tática rasteira.

Sâmia então respondeu outra vez.

Daí então, adivinhem? O “valentão” Danilo Gentili sumiu. Debater pessoalmente ele não tem coragem! Seria isso… covardia?

Polêmicas à parte, tem crescido uma enorme rede de solidariedade a Sâmia Bomfim nas redes e também no mundo político e jurídico. Um grupo de advogadas feministas já estuda as possibilidades de entrar com processo judicial contra o apresentador. Afinal de contas, suas ofensas à Sâmia são apenas um exemplo do que ele faz todos os dias contra um enorme número de mulheres, famosas ou “desconhecidas”.

Machistas não passarão!

Movimento - Crítica, teoria e ação

Apresentação

Neste mês de março, preparamos uma nova edição da Revista Movimento, dedicada especialmente para a reflexão e elaboração política sobre a luta das mulheres. Selecionamos um conjunto de materiais - artigos teóricos, textos políticos, documentos e uma especial entrevista - com o intuito de aprofundar o esforço consciente demonstrado por nossa organização nos últimos anos em avançar na compreensão sobre o tipo de feminismo que defendemos, bem como sobre o papel essencial e a importância estratégica que a luta feminista tem para a construção de um projeto anticapitalista. Um desafio exigido pela atual conjuntura, marcada pela ascensão de governos de extrema-direita no mundo, na qual o movimento feminista tem se apresentado como contraponto e trincheira de resistência fundamental. Por isso, esta edição pretende, antes de mais nada, auxiliar e fortalecer nossas intervenções feministas nesse momento, a começar por duas datas muito significativas que inauguram este mês: o 8 e o 14 de março, dia em que se completará um ano do brutal assassinato de nossa companheira Marielle Franco. Esperamos que seja proveitoso e sirva como instrumento para as nossas batalhas. Boa leitura!

Solzinho

MES: Movimento Esquerda Socialista MES: Movimento Esquerda Socialista