Para a liberdade e luta
Adria Meira

Para a liberdade e luta

Em homenagem à data de nascimento do poeta, reproduzimos um de seus poemas desejando que suas palavras possam seguir inspirando nossos leitores na luta por um mundo melhor.

Paulo Leminski 24 ago 2017, 21:13

P

aulo Leminski nasceu em 24 de agosto de 1944 em Curitiba. Morreu na mesma cidade apenas 44 anos depois. É considerado um dos principais poetas brasileiros da segunda metade do século passado. Em homenagem ao aniversário da data de nascimento do autor, publicamos o poema intitulado Para a liberdade em luta, no qual faz alusão à antiga corrente trotskista brasileira. Assim, a Revista Movimento deseja que suas palavras possam seguir inspirando nossos leitores na luta por um mundo melhor.

Para a liberdade e luta

Me enterrem com os trotskistas
na cova comum dos idealistas
onde jazem aqueles
que o poder não corrompeu

Me enterrem com meu coração
na beira do rio
onde o joelho ferido
tocou a pedra da paixão.


Parlamentares do Movimento Esquerda Socialista (PSOL)

Capa da última edição da Revista Movimento
Publicamos a décima sétima edição da Revista Movimento ainda sob o impacto da pandemia da Covid-19. Em todo o mundo, as contradições acumulam-se. Este volume está dedicado à análise de várias dimensões desta verdadeira crise global e de seus desdobramentos. Com destaque, tratamos da mobilização antirracista nos Estados Unidos e no mundo, iniciada após o assassinato de George Floyd, e da situação brasileira, discutindo a crise do governo Bolsonaro e as recentes manifestações dos trabalhadores por aplicativos.