Apresentação da Revista Movimento n. 10

Apresentação da Revista Movimento n. 10

Edição conta com especial a respeito dos 80 anos da fundação da IV Internacional, além de documentos de análise dos resultados eleitorais.

Thiago Aguiar 13 nov 2018, 19:01

Publicamos a décima edição de nossa Revista Movimento, consolidando um espaço de elaboração teórica e política, de propaganda de nossas posições e formação da militância do Movimento Esquerda Socialista, além do necessário e fundamental intercâmbio com outras organizações políticas e intelectuais marxistas. Neste número, mais uma vez, nosso leitor encontrará artigos, entrevistas e materiais ancorados nestas orientações que conduzem nosso processo editorial desde o início.

Dessa vez, celebramos os 80 anos de fundação da IV Internacional, comemorados em setembro de 2018, com uma seção especial. Aberta por Israel Dutra, que assina artigo reconstruindo a história da fundação da IV e do trotskismo, a seção conta com artigo inédito em português de Jean Van Heijenoort, secretário e colaborador próximo de Trotsky; o Programa de Transição de Trotsky; seu discurso enviado para a conferência de fundação da IV nos arredores de Paris; uma entrevista exclusiva de Esteban Volkov, neto de Trotsky, para Movimento; além da republicação de artigos de Nahuel Moreno, sobre a atualidade do trotskismo, e de Pedro Fuentes, sobre o lugar do trotskismo na luta de classes do século XXI.

Na seção internacional, publicamos entrevista com a feminista italiana Cinzia Arruzza, professora de filosofia na New School for Social Research em Nova York, que teve uma experiência como militante da IV Internacional e hoje é uma referência nos estudos de gênero e sobre a luta das mulheres. Também trazemos a nossos leitores a tradução em português de instigante artigo de Pierre Rousset sobre a geopolítica da China.

Fechamos esta edição quando a eleição brasileira se encerrava. Como não poderia deixar de ser, nesta décima edição de Movimento, apresentamos as primeiras análises do MES sobre os resultados eleitorais. Sabemos que a vitória de Jair Bolsonaro trará graves ataques à classe trabalhadora e ao povo brasileiro. Estaremos com nosso povo, lutando em defesa das liberdades democráticas e de nossos direitos.

Mais uma vez, esperamos que a revista seja uma ferramenta útil de construção e formação para nossos camaradas. Boa leitura!


Parlamentares do Movimento Esquerda Socialista (PSOL)

Capa da última edição da Revista Movimento
O MES completa 20 anos. A edição n. 14-15 da Revista Movimento é dedicada por completo ao importante evento que marca duas décadas de nossa história. Apesar de jovens, podemos dizer que poucas organizações na história política da esquerda brasileira alcançaram essa marca com tamanho vigor. Longe de autoproclamação, desejamos transformar nossos êxitos em força social e militante para novos e amplos impulsos. Ainda não cumprimos uma maratona, mas nossa história sem dúvida deixou para trás a visão de curto prazo, que alguns adversários nos chegaram a prognosticar. Diante das muitas provas, vitórias e algumas derrotas, podemos celebrar e somar forças para enfrentar as tarefas imediatas: derrotar a tentação autoritária de Bolsonaro e avançar na construção de uma alternativa socialista.