Torcida pede que seleção vista a camisa do povo e não jogue a Copa
196535431_1456663751362387_8680351349674261970_n

Torcida pede que seleção vista a camisa do povo e não jogue a Copa

Ontem, 04, ativistas do coletivo Juntos fizeram uma manifestação em frente ao hotel onde estava hospedada a seleção brasileira de futebol.

Felipe Moreira 5 jun 2021, 14:54

Manifestantes do coletivo Juntos estiveram ontem em frente ao hotel no qual a seleção brasileira esteve hospedada em Porto Alegre. Com cartazes e faixas pediram que a seleção vista a camisa do povo brasileiro e não jogue a Copa América, a saída de Rogério Caboclo, presidente da CBF acusado de assédio sexual, e vacinas ao invés de copa.

Victoria Farias, uma das jovens presentes na manifestação, declarou que neste momento em que o Brasil passa pela ameaça de uma nova onda de contágio e chega quase a 500 mil mortos a nossa prioridade deve ser a vacina e não a realização da Copa América.

Tite, técnico da seleção brasileira, declarou que comissão técnica e elenco irão se posicionar sobre a realização da Copa América no Brasil após o próximo jogo das eliminatória entre Brasil e Paraguai, dia 2 (terça)


Parlamentares do Movimento Esquerda Socialista (PSOL)

Capa da última edição da Revista Movimento
Esta é uma edição especial de nossa Revista Movimento, de números 19 e 20. Nela, publicamos um dossiê que celebra os 150 anos de nascimento de Rosa Luxemburgo, vinculado à iniciativa coordenada por nossa camarada Luciana Genro: o curso da Escola Marx “150 anos de Rosa Luxemburgo: pensamento e ação”.