Lula deveria condenar repressão e mortes no Peru
IMG_6411

Lula deveria condenar repressão e mortes no Peru

Para posar de líder da América Latina, presidente brasileiro respalda regimes autoritários como o de Dina Boluarte

Antonio Cunha Neto 8 ago 2023, 16:00

Fotos: Antônio Neto

A ambição de Lula em exercer influência sobre o subcontinente não encontra limites ou critérios. Ao se postular como “O Grande Líder latino americano” e colocar-se acima do bem e do mal, respalda a ditadura de Daniel Ortega, e os regimes autoritários de Maduro e, agora, da usurpadora e assassina Dina Boluarte. 

Dina assume o governo do Peru depois de um golpe institucional. Depois de assumir, já como chefe das forças armadas peruanas, ordenou reprimir duramente as manifestações contrárias, provocando 70 mortos, centenas de feridos e presos políticos. Aliás, foram as armas vendidas pelo Brasil que garantiram o massacre. 

Dina usurpou o assento presidencial e governa a serviço de uma agenda abertamente autoritária e neoliberal. Diante da marcha de 18 de julho, ordenou o uso da força e falou abertamente em mais mortos, como arma de intimidação dos protestos. É um governo débil, mais de 90% da população o rejeita, assim como ao congresso golpista. 

Em lugar de receber Dina, Lula deveria exigir que o governo peruano ouvisse as ruas e convocasse novas eleições. Lula deveria, publicamente, condenar a repressão e as violações aos direitos humanos, denunciadas não só pelos órgãos de direitos humanos, mas também pelo Ministério Público daquele país. 

Ao invés disso, Lula dá tapinhas nas costas de uma assassina, e tudo em nome de garantir sua influência e para seguir expandindo-a, para garantir a exportações de capitais brasileiros aos países da região – como fez com a Odebrecht, pivô da crise política envolvendo o anterior governo de Ollanta Humala. 

O Peru foi, e continua sendo, vítima dos interesses dos imperialismos que atuam na região, seja o imperialismo norte-americano ou, mais recentemente, o imperialismo chinês – maior investidor no país – e, até mesmo, o requentado subimperialismo brasileiro. 

Repudiamos Dina e seu governo lacaio dos imperialismos e fazemos um chamado a que o governo brasileiro condene a violência de Estado, as mortes pelo uso da força policial e as tentativas de Dina Boluarte de silenciar o povo peruano.


TV Movimento

Palestina livre: A luta dos jovens nos EUA contra o sionismo e o genocídio

A mobilização dos estudantes nos Estados Unidos, com os acampamentos pró-Palestina em dezenas de universidades expôs ao mundo a força da luta contra o sionismo em seu principal apoiador a nível internacional. Para refletir sobre esse movimento, o Espaço Antifascista e a Fundação Lauro Campos e Marielle Franco realizam uma live na terça-feira, dia 14 de maio, a partir das 19h

Roberto Robaina entrevista Flávio Tavares sobre os 60 anos do golpe de 1º de abril

Entrevista de Roberto Robaina com o jornalista Flávio Tavares, preso e torturado pela ditadura militar brasileira, para a edição mensal da Revista Movimento

PL do UBER: regulamenta ou destrói os direitos trabalhistas?

DEBATE | O governo Lula apresentou uma proposta de regulamentação do trabalho de motorista de aplicativo que apresenta grandes retrocessos trabalhistas. Para aprofundar o debate, convidamos o Profº Ricardo Antunes, o Profº Souto Maior e as vereadoras do PSOL, Luana Alves e Mariana Conti
Editorial
Israel Dutra e Roberto Robaina | 16 maio 2024

Tragédia no RS – Organizar as reivindicações do movimento de solidariedade

Para responder concretamente à crise, é necessário um amplo movimento que organize a luta pelas demandas urgentes do estado
Tragédia no RS – Organizar as reivindicações do movimento de solidariedade
Edição Mensal
Capa da última edição da Revista Movimento
Revista Movimento nº 49
Nova edição traz o dossiê “Trabalho em um Mundo em Transformação”
Ler mais

Podcast Em Movimento

Colunistas

Ver todos

Parlamentares do Movimento Esquerda Socialista (PSOL)

Ver todos

Podcast Em Movimento

Capa da última edição da Revista Movimento
Nova edição traz o dossiê “Trabalho em um Mundo em Transformação”