Revista Movimento Movimento Movimento: crítica, teoria e ação

Alemanha: 240 mil em manifestação contra a extrema-direita

Dezenas de milhares de pessoas manifestaram-se neste sábado em Berlim.

Reprodução Twitter
Reprodução Twitter

Segundo os organizadores, na manifestação participaram cerca de 240 mil pessoas, noticia a “Deutsche Welle”.

A ação foi convocada pela aliança #Unteilbar (que em alemão significa indivisível ou todos juntos) e foi apoiada por numerosas organizações, associações, partidos e personalidades alemãs.

Entre os objetivos da iniciativa estava o alerta para o ascenso da extrema-direita, o combate à discriminação racial e a xenofobia, o protesto contra a morte de imigrantes no Mediterrâneo e os cortes nas políticas sociais. Na página oficial da organização que convocou a manifestação sublinha-se que a ação é contra “todas as formas de ódio e discriminação, confrontando o racismo para com os muçulmanos, os ciganos, o antissemitismo, o antifeminismo, e a fobia LGBTQ”.

A ação teve início na praça Alexanderplatz, prosseguiu pelas ruas e praças do centro de Berlim e encerrou com intervenções políticas e um espetáculo musical na Coluna da Vitória.

A manifestação foi apoiada pela Amnistia Internacional, pelo Conselho Central dos Muçulmanos, pelos partidos Die Linke, Partido Social-Democrata e Verdes. O grupo de rock Die Ärzte e o cantor pop Herbert Grönemeyer atuaram no encerramento.

Em declarações à Lusa antes da ação, Anna Spangenberg, porta-voz da organização, afirmou esperar que esta manifestação “contra a extrema-direita e a favor de uma sociedade solidária e aberta, seja a maior do ano em Berlim”.

Artigo originalmente publicado no Esquerda.net.

Movimento - Crítica, teoria e ação

Apresentação

Publicamos a décima edição de nossa Revista Movimento. Dessa vez, celebramos os 80 anos de fundação da IV Internacional, comemorados em setembro de 2018, com uma seção especial. Há, também, artigos na seção internacional e de teoria. Fechamos esta edição quando a eleição brasileira se encerrava. Como não poderia deixar de ser, nesta décima edição de Movimento, apresentamos nossas primeiras análises sobre os resultados eleitorais. Sabemos que a vitória de Jair Bolsonaro trará graves ataques à classe trabalhadora e ao povo brasileiro. Estaremos com nosso povo, lutando em defesa das liberdades democráticas e de nossos direitos. Mais uma vez, esperamos que a revista seja uma ferramenta útil de construção e formação para nossos camaradas. Boa leitura!

Solzinho

Uma biografia inédita de Stalin escrita por Leon Trotsky Uma biografia inédita de Stalin escrita por Leon Trotsky

Leon Trotsky Joseph Stalin

MES: Movimento Esquerda Socialista MES: Movimento Esquerda Socialista